Postagens

Mostrando postagens de 2020

Los Angeles: Cidade Proibida

Imagem
Nota: 8,3/10 Um clássico dos suspenses policiais noir, Los Angeles: Cidade Proibida teve seu excelente trio principal, composto por Guy Pearce, Kevin Spacey e Russell Crowe totalmente esnobado pelo Oscar, enquanto entregou a Kim Basinger o prêmio de melhor atriz coadjuvante, escolha muito contestada na época. Pintada como local perfeito para se viver, a Los Angeles dos anos 50 começa a penar com o crescimento da criminalidade. Quando uma série de assassinatos passam a incomodar as autoridades locais, acompanhamos a trajetória de três oficias de polícia totalmente distintos tentando desvendar os crimes: um deles é estritamente fiel à lei, o outro é um brutamontes violento, e o último faz de tudo por dinheiro.    O filme vale a pena pela sustentação que seu trio principal dá ao roteiro, e também ao final interessante, minuciosamente construído. Só não dou uma nota maior porque me decepcionei com algumas escolhas para alguns personagens no desfecho. Mas é um excelente filme para fãs do gê

Sobre Meninos e Lobos

Imagem
Nota: 8/10 Sobre Meninos e Lobos é um dos melhores filmes de Clint Eastwood. O clima sombrio se contrasta com as atuações estonteantes de Sean Penn e Tim Robbins, que roubam a cena em seus respectivos papéis. Robbins, pela complexidade de seu personagem, é ainda mais impressionante. Vale lembrar que os dois atores foram reconhecidos com o Oscar por suas interpretações. Na trama, três amigos de infância seguem caminhos diferentes na fase adulta, marcados por um acontecimento da época. Mas uma terrível tragédia na vida de um deles fará com que suas vidas se estreitem novamente. Mystic River, 2003, 2h18m. Dirigido por Clint Eastwood, com Sean Penn, Kevin Bacon e Tim Robbins.

A Luta Pela Esperança

Imagem
Nota: 8,2/10 Ron Howard é um diretor muito versátil, pois consegue entregar bons trabalhos independente dos gêneros escolhidos. Pode fazer um bom drama, como pode também fazer um bom filme de aventura ou suspense. Acho isso bacana porque mostra o talento do realizador. Neste A Luta Pela Esperança , que é um dos seus melhores e mais aclamados trabalhos, ele entrega uma obra que retrata a vida de um famoso boxeador dos EUA, conhecido como "Homem Cinderela", por parecer aos telespectadores que dançava no ringue, tamanha a sua destreza. Anos 30. James Braddock (Russell Crowe) é um homem simples, que é casado com Mae (Renée Zellweger) e leva a vida como boxeador profissional. Após sofrer uma fratura numa das mãos, James nunca mais foi o mesmo, e os organizadores das partidas não se interessaram mais em contratá-lo, fazendo com que ele caísse no esquecimento. A partir daí, a vida de James e de sua família começa a se complicar, já que ele é o responsável por ser o provedor do lar e

Assassinato às cegas

Imagem
Nota: 8,5/10 Assassinato às Cegas é uma grata surpresa! Um filme indiano com sacadas espertas, frenético, divertido, e com um plot-twist de dar inveja. É interessante como o diretor do longa, Sriram Raghavan, que também assina o roteiro, brinca e assusta o espectador conforme ele estreita sua conexão com o protagonista, e como cria um suspense que fica cada vez mais contundente conforme os minutos passam, nos mostrando que não podemos confiar em nada nem em ninguém: nem muito menos piscar, pra não perder nada. Com 100% de aprovação no Rotten Tomatoes e na lista dos 250 melhores filmes segundo os usuários do IMDB, este filme indiano merece ser visto! Destaco as atuações do trio principal (o par romântico e a vilã), que não deixam a trama cair e ajudam a mantê-la em alto nível apesar de suas várias reviravoltas, e como o roteiro entrelaça o clima de tensão ao humor, entregando uma experiência satisfatória. Nas poucas cenas em que se fez necessário, os efeitos visuais do filme deixam a de

O Profissional

Imagem
Nota: 8,8/10 O Profissional é um filme de ação com alma. Não satisfeito com as tomadas de luta e tiroteios tão comuns do gênero, o diretor Luc Besson consegue ser sensível e humano na medida certa para fazer com que o espectador se afeiçoe aos personagens protagonizados por Natalie Portman e Jean Reno de maneira magistral. Portman vive Mathilda, uma menina de apenas 12 anos que tem a infância interrompida ao presenciar a morte de seus pais e irmãos. Reno interpreta León, um assassino profissional que, apesar do trabalho em que está envolvido, é de uma inocência tremenda. Mas vale ressaltar que, mesmo que os dois roubem a cena, ainda há espaço para mais uma atuação memorável de Gary Oldman, que encarna um antagonista sem escrúpulos, imprevisível e terrivelmente assustador. Besson entrega a obra-prima de sua carreira e um dos filmes mais importantes do gênero, bem como introduz a talentosa Natalie Portman num papel difícil onde ela mostra claramente a que veio. Na trama, conhecemos Mathi

Taxi Driver: Motorista de Táxi

Imagem
Nota: 8,5/10  Taxi Driver é uma obra de arte! Desde a apresentação de Jodie Foster nas telonas, a atuação de gala de Robert de Niro e a direção acertadíssima de Martin Scorsese, vemos a criação de um thriller magnético, soturno e atemporal, que ainda serve claramente de inspiração para o gênero.  Na trama, um homem solitário e mentalmente instável arruma um emprego de taxista na cidade de Nova York, onde ele presencia a decadência e a degradação dos valores da sociedade, passando pela corrupção e pela violência aos mais vulneráveis. Tais eventos combinados fazem com que um sentimento de retaliação cresça dentro do homem, desencadeando uma reação em cadeia que poderá ter sérias consequências para todos os envolvidos.  Taxi Driver, 1976, 1h54m. Dirigido por Martin Scorsese, com Robert de Niro, Jodie Foster e Cybill Shepherd.   

Borat: Fita de Cinema Seguinte

Imagem
Nota: 7,5/10 Após os vergonhosos eventos que o segundo maior repórter do Cazaquistão, Borat (Sacha Baron Cohen), vivenciou nos EUA, desde causar situações embaraçosas em eventos públicos, até tentar casar a força com Pamela Anderson, ele foi preso em seu país natal por insultar a nação. Catorze anos depois, o presidente cazaque resolve voltar atrás da condenação de Borat, e o encarrega de uma nova missão: retornar aos Estados Unidos para entregar um presente especial ao vice-presidente americano, Mike Pence, visando estreitar as relações entre os países. Mas as coisas começam a sair do planejado quando Borat chega em território americano e descobre que sua filha, Tutar (Maria Bakalova, jovem atriz húngara que roubou a cena e ajudou nas melhores piadas do filme), veio no lugar do presente. Revoltado, Borat tem que decidir qual presente dará ao líder americano no lugar, correndo risco de vida caso não arrume uma solução para o problema. Gravado durante a pandemia e distribuído pela Amazo

A Princesa Prometida

Imagem
Nota: 8,5/10 Comecei a assistir A Princesa Prometida esperando um filminho de conto de fadas qualquer. Apesar da história clichê, os atores capricharam em suas atuações, a equipe de figurino fez um formidável trabalho, e as cenas de aventura e lutas também ficaram excelentes. Para quem não conhece, fica a minha recomendação!    Na história, um avô (Peter Falk) lê para seu netinho (Fred Savage), que está adoentado em casa, a história de um garoto da fazenda que foi separado de seu verdadeiro amor (Robin Wright), e agora terá de enfrentar inúmeros obstáculos, inimigos e oposição para estar com sua amada novamente.  Quando o avô chega ao netinho e informa que tem o livro A Princesa Prometida para ler para ele, o menino logo assevera: "Vovô, esse é um livro de beijinhos?", no que o avô rapidamente replica: "Não! Essa é uma história de heróis, gigantes, vilões, feiticeiros e amor verdadeiro. Não apenas um básico, mediano, comum, ordinário ou chato conto de fadas". E, de

Fargo

Imagem
Nota: 9/10 Aqui está um filme que realmente merece todo o prestígio que recebeu. Cultuado pela crítica especializada, não há dúvida que nos deparamos aqui com uma obra-prima dos irmãos Coen, que desenham uma história caricata e inesperada por meio de seus poucos personagens, que foram muito bem construídos. Destaco especialmente a interpretação de William H. Macy, que está especialmente engraçado, Frances McDormand, que ganhou o Oscar por sua atuação, e Peter Stormare, que é responsável por dar a vida ao meu personagem favorito no longa. Desde a mensagem que lemos na cena de abertura até o seu fechamento, Fargo realmente não decepciona e cumpre com o prometido, enquanto ficamos cada vez mais assombrados com o que estamos presenciando.  Na trama, conhecemos Jerry Lundeegard (William H. Macy), o gerente de uma concessionária em Fargo, Dakota do Norte. Apesar de ter uma vida confortável, o homem passa por sérias dificuldades financeiras, e resolve bolar um plano no mínimo estranho: decid

Han Solo: Uma História Star Wars

Imagem
Nota: 7/10 Han Solo me surpreendeu. Achei bem mais interessante que Rogue One , por sinal. A homenagem de Ron Howard a famosa saga criada por George Lucas foi lançada sem muito estardalhaço e de forma leve e despretensiosa, mas captou bem o ritmo aventuresco de Star Wars . Na trama, conhecemos o piloto Han Solo (Alden Ehrenreich), então um jovem de origem humilde, mas audacioso e muito astuto, que consegue com a ajuda de sua namorada, Qi'ra (Emilia Clarke), se apossar de uma substância extremamente valiosa e que colocará várias pessoas em seu caminho, desde inimigos como Dryden Vos (Paul Bettany) até seu futuro co-piloto, Chewbacca. Solo: A Star Wars Story, 2018, 2h15m. Dirigido por Ron Howard ( Anjos e Demônios ), com Alden Ehrenreich, Donald Glover e Woody Harrelson.  

O Lamento

Imagem
Nota: 8,9/10 O cinema coreano mais uma vez se supera com esta incrível obra de terror. Cheio de simbolismos e com uma história atrativa que vai se desenhando aos poucos, o filme te convida a adentrar numa viagem obscura e implacável, começando lenta e se intensificando conforme o tempo passa. Na trama, conhecemos Jong-Goo (Do-won Kwak, numa atuação solta e divertida), um policial atrapalhado e muito medroso que mora num pequeno vilarejo coreano. Da noite para o dia, estranhos assassinatos começam a assombrar a cidade, e tudo indica que um japonês, que é novo no local, pode estar ligado aos crimes. Mas aos poucos as investigações policiais vão chegando a conclusões nada convencionais, quando começa-se a suspeitar que as mortes e o horror que vem sendo espalhado na pequena vila é de origem sobrenatural. Conforme a polícia levanta mais suposições, Jong-Goo descobre que sua filha pode ser vítima de um ataque terrível, obrigando-o a solucionar o mistério por trás das mortes para que possa s

Pulp Fiction - Tempos de Violência

Imagem
Nota: 9/10 Quem não gostou deste que é o filme mais importante da carreira de Quentin Tarantino, talvez não esteja tão habituado ou não seja muito fã do estilo do excêntrico diretor. Todos os elementos que o consagraram estão ali: diálogos bem construídos, atuações viscerais, cenas inesquecíveis e de tirar o fôlego, e sangue, muito sangue. Estas e muitas outras características fizeram com que este se filme se colocasse a frente de seu tempo, se consagrando como um clássico cult e um dos melhores dos anos 90. Na história da vez, John Travolta interpreta Vincent Vega, um assassino da máfia parceiro de Jules Winnfield (Samuel L. Jackson). Ambos trabalham para o gângster Marsellus Wallace (Ving Rhames), que confia tanto nos dois que pede para que Vincent leve sua esposa, Mia (Uma Thurman), para sair enquanto está fora. Butch (Bruce Willis) é um pugilista que firmou um acordo onde não venceria uma de suas lutas, senão pessoas importantes iriam perder uma grande quantia em dinheiro, mas ele

Ironias do Amor

Imagem
Nota: 7,8/10 Charlie (Jesse Bradford) é um cara com um trabalho regular, uma vida bem planejada, e que leva uma rotina normal. Num dia na estação de metrô ele salva a vida de Jordan (Elisha Cuthbert), uma moça que estava tão bêbada que quase caiu nos trilhos. Dali, eles passam a se conhecer melhor e um inesperado romance começa a fluir, já que os dois levam vidas totalmente diferentes: enquanto Charlie é um cara com uma vida pacata, Jordan é agitada, tresloucada e muito complicada. Mesmo assim, Charlie se esforça para que o relacionamento dê certo, mas vários acontecimentos aleatórios começam a distanciá-los de uma maneira aparentemente irrecuperável. Indicado a Melhor Romance no Globo de Ouro e baseado num sucesso sul-coreano ( My Sassy Girl , de 2001),  Ironias do Amor é uma grata surpresa! Na minha opinião ainda supera o filme coreano, que não achei tão cativante quanto este. Vale a pena para quem gosta de um romance diferente e cheio de reviravoltas, recomendo!  My Sassy Girl, 200

As Aventuras de Paddington 2

Imagem
Nota: 7,8/10 Não é todo filme que consegue unanimidade entre os críticos: 100% de aprovação no Rotten Tomatoes, site especializado em cinema que reúne a opinião de vários críticos americanos. Embora em minha opinião não possua o mesmo brilho de seu antecessor, Paddington 2 ainda consegue embalar importantes elementos presentes no original, como o vilão muito bem interpretado, desta vez por Hugh Grant, e as cenas totalmente inusitadas. Seguindo os acontecimentos do primeiro filme, o ursinho Paddington vive feliz na Inglaterra com a família Brown, e é amado pela comunidade local. Quando o aniversário de sua tia Lucy (Imelda Staunton) se aproxima, ele encontra o presente perfeito: um livro único, e muito caro, que fala sobre a história de Londres. Disposto a fazer o que estiver ao seu alcance para comprá-lo, o urso começa a trabalhar para juntar o dinheiro necessário. Mas quando o livro raro é roubado misteriosamente, Paddington é acusado pelas autoridades de ser o responsável pelo crime,

As Duas Faces de um Crime

Imagem
Nota: 8/10 As Duas Faces de um Crime é uma película inteligente que entrega os detalhes ao espectador de maneira meticulosa e orquestrada, com atuações afiadas e final intrigante. Apesar de Richard Gere, Laura Linney e Frances McDormand estarem muito bem, meu destaque vai para Edward Norton em seu papel de entrada, entregando um personagem muito consistente e bem construído. Sua atuação é a cereja do bolo do filme.  Um arcebispo (Stanley Anderson) é assassinado com requintes de crueldade, e um garoto de 19 anos chamado Aaron Stampler (Edward Norton), cantor de coral na igreja onde o líder religioso pregava, é encontrado fugindo da mansão onde o homicídio ocorreu, com sangue do arcebispo em suas roupas. Embora alegue que é inocente e que havia uma terceira pessoa na cena do crime, o álibi de Aaron é praticamente ignorado pelas autoridades, e ele está prestes a receber a pena de morte. Mas tudo muda quando surge a figura de Martin Vail (Richard Gere), um advogado criminal experiente em

Creed II

Imagem
Nota: 7/10 Adonis Creed (Michael B. Jordan) é filho do lendário lutador Apollo Creed, morto durante luta contra Ivan Drago (Dolph Lundgren). O jovem tem muito ódio correndo em suas veias, é visto como um azarão por andar na sombra de Apollo e tem pouquíssima experiência de luta, mas é obstinado e deseja honrar o legado do pai nos ringues. Rocky Balboa (Sylvester Stallone) decide treiná-lo para que o jovem um dia esteja a altura do nome que leva nas costas, mas enquanto o treina acaba por ajudar a moldar seu comportamento e caráter. Adonis perdeu a primeira grande luta de sua carreira, e agora precisará enfrentar uma ainda mais desafiadora: terá pela frente ninguém menos do que o filho do impiedoso Ivan Drago, responsável por tirar a vida de seu pai.    Michael B. Jordan brilha neste segundo filme da franquia, e é a grande personalidade do longa, que tem algumas falhas mas é bem sustentado por seu protagonista e se salva no final. Ryan Coogler, diretor do primeiro filme, faz falta nesta

Rocky: Um Lutador

Imagem
Nota: 8,2/10 O filme que lançou Sylvester Stallone ao estrelato e se tornou um clássico dos filmes de boxe. Além de escrever o roteiro, o ator insistiu com os produtores que ele mesmo teria que protagonizar a história. Eles aceitaram, sob a condição de que o orçamento do filme fosse baixo, em torno de 1 milhão de dólares. Deu muito certo, pois o astro acabou não só dando vida a um dos personagens mais icônicos do gênero esportivo, como também estrelou um filme muito bem recebido por público e crítica, alcançando o posto de maior bilheteria de 1976 e conquistando o Oscar de melhor filme.   Rocky Balboa (Stallone) é um lutador pobre, com pouca instrução e perspectivas de vida que ganha dinheiro cobrando dívidas para um agiota. Quando o maior lutador dos pesos pesados e detentor do cinturão, Apollo Creed (Carl Weathers), resolve escolher um lutador aleatório para enfrentá-lo no ringue, Rocky recebe a chance de sua vida: e não pode deixá-la passar. Apesar de vários obstáculos em sua vida p

O Preço da Verdade

Imagem
Nota: 7,5/10 Neste drama tenso baseado em fatos reais, temos uma autêntica interpretação de Mark Ruffalo, assim como em  Spotlight , onde o ator também roubou a cena. Apesar do título original ter total ligação com o que o longa irá nos contar, seu nome em português também é pungente o suficiente para chamar atenção para o que trata.  Rob Bilott (Mark Ruffalo), advogado de defesa de grandes multinacionais, um dia é confrontado por um humilde fazendeiro, que pede que ele averigue alguns crimes de poluição química que uma das empresas que defende pode estar cometendo. Descrente da informação, Rob ignora o aviso. Mas quando decide começar a investigar a verdade, Rob embarca num jogo cheio de mentiras, sujeira e corrupção, colocando em risco sua carreira, família e sua própria vida, caso traga tudo à tona. Méritos sejam dados para a equipe de produção do longa, que entrega bons momentos e leva o espectador a sérias reflexões. Anne Hathaway passa despercebida como esposa de Ruffalo; já o at

A Viagem de Chihiro

Imagem
Nota: 9,5/10 A Viagem de Chihiro é um filme capaz de transportar você para os mais inimagináveis destinos, com uma sutileza descomunal. Do renomado estúdio Ghibli, vemos aqui um filme essencial, que todos deveriam ver, e uma das animações mais importantes já feitas. Aliando uma narrativa magnífica e cheia de aventura a um grande apuro técnico, faz com que nos apeguemos com facilidade a figura de Chihiro e de Haku, protagonistas da trama. Hayao Miyazaki, o lendário animador e artista de mangá japonês foi responsável por desenhar, escrever e dirigir a obra. Durante uma parada que seus pais fazem numa viagem, Chihiro vai parar num local totalmente desconhecido, repleto de bestas, bruxas e espíritos, onde aparentemente os humanos não são bem-vindos. Contando com a ajuda de Haku, Chihiro consegue meios de sobreviver e parte em busca de seus pais e de alguma maneira de sair do estranho lugar. Se ainda não assistiu, prepare-se para entrar numa viagem muito gratificante ao lado de Chihiro, ch

E.T. - O Extraterrestre

Imagem
Nota: 8,3/10 Steven Spielberg é um diretor que sempre mostrou-se a frente de seu tempo. Décadas depois do lançamento de muitos de seus filmes, podemos assisti-los e continuar pasmos com sua qualidade e apuro técnico. Tubarão é um exemplo claro! E.T. também não fica para trás. Nesta obra emocionante e muito bem realizada, vivenciamos uma experiência cinematográfica única, e fica claro o motivo de Spielberg ser apontado como um dos melhores cineastas de todos os tempos.  Um alienígena é acidentalmente deixado na Terra e descoberto por um garoto e seus amigos. As crianças decidem esconder o extraterrestre enquanto a polícia e as autoridades locais tentam capturá-lo, a fim de realizar experiências com a criatura. Mas o que inicialmente foi um simples gesto de bondade, começa a se tornar numa forte amizade entre o ser de outro planeta e o garoto. E.T. - O Extraterrestre é um filme vigoroso! A inocente e criativa ótica infantil aliada ao roteiro doce entregam um conto inesquecível, extremam

007 - Operação Skyfall

Imagem
Nota: 8/10 Neste que considero o segundo melhor filme de Craig como o agente secreto britânico (para mim, só perde para Casino Royale ), Sam Mendes traz de volta as mesmas técnicas que consagraram a série: ação ininterrupta, trilha sonora sob medida (que rendeu o Oscar a cantora Adele), e um vilão irretocável, interpretado por Javier Bardem.  Buscando vingança contra M (Judi Dench), um ex-agente da MI6 (Bardem) rouba um disco rígido com informações secretas que podem comprometer a segurança nacional. Com a organização sob ataque, Bond (Daniel Craig) terá que voltar a campo para desbaratinar o criminoso e acabar de uma vez por todas com a ameaça.    Skyfall, 2012, 2h23m. Dirigido por Sam Mendes, com Daniel Craig, Javier Bardem e Naomie Harris.   

Maze Runner: Correr ou Morrer

Imagem
Nota: 8/10 Encabeçado pelo ator Dylan O'Brien ( O Assassino: O Primeiro Alvo ), Maze Runner: Correr ou Morrer é uma grata surpresa. Parecia só mais um filminho qualquer tentando embalar um novo sucesso juvenil, mas é repleto de ação, tem um bom enredo e deixa o espectador com os nervos à flor da pele com seus altos níveis de tensão. A aventura se passa num mundo distópico onde vários rapazes vivem em comunidade, isolados numa floresta e com uma única coisa em comum: todos tiveram suas memórias apagadas. No lugar há um labirinto que aparentemente é a única saída disponível, mas todos que entraram nele jamais voltaram pra contar história. Aos poucos, eles acabam se acostumando a viver naquele lugar, sem maiores expectativas de saber o que está acontecendo, até que o garoto mais questionador dentre eles, Thomas (Dylan O'Brien), decide causar uma verdadeira revolução, quando resolve de uma vez por todas tentar escapar através do labirinto que os prende lá. Fui surpreendido por  Maz

Faça a Coisa Certa

Imagem
Nota: 8/10 Num dia dos dias mais quentes do ano, Mookie (Spike Lee) segue sua rotina diária como entregador de pizzas numa das regiões mais pobres do Brooklyn, em sua maior parte populada por hispânicos e negros. Ele trabalha para Salvatore, ou simplesmente "Sal" (Danny Aiello), que abre as portas cedo e fica o restante do dia recebendo seus fregueses e também oferecendo o serviço de delivery. De descendência italiana, Sal gosta de decorar seu estabelecimento com retratos de personalidades ítalo-americanas dos esportes e do cinema e, até então, nunca havia tido nenhum problema quanto a isso. Mas neste dia quente em que os nervos estão a flor da pele, Buggin' Out (Giancarlo Esposito), um de seus clientes, resolve questionar porque não há fotos de nenhum famoso negro no local. Buggin' acredita que uma pizzaria situada numa vizinhança predominantemente negra deva exibir quadros de atores negros e não italianos, mas Sal discorda categoricamente alegando que decora seu res

Buscando...

Imagem
Nota: 7/10 Margot (Michelle La) é uma jovem que estuda fora e segue a mesma linha de hábitos de sua geração: super antenada nas tecnologias, registra vários acontecimentos de sua vida nas mídias sociais. O contato familiar que possui é com seu pai, David (John Cho), que constantemente lhe manda mensagens para saber como tem passado. Quando Margot fica horas sem respondê-lo, David passa a suspeitar que algo tenha acontecido. Logo ele descobre que a filha está desaparecida, e junta forças com a polícia para começar as buscas. Enquanto isso, David se utiliza do laptop da filha, o único recurso deixado para trás que pode ter pistas de seu paradeiro, e descobre segredos não antes revelados que podem fazer toda a diferença.  Buscando... é um filme num formato não habitual, que é totalmente feito para os nossos dias, concentrando grande parte de sua exibição no mundo digital: nas mensagens de texto, nas redes sociais e em como estamos deixando toda a nossa vida na web, enquanto nossas interaç

Os Suspeitos

Imagem
Nota: 8,2/10 Denis Villeneuve com certeza é um dos melhores diretores da atualidade. O renomado diretor que começou a ser mais visto após a obra concorrente ao Oscar de melhor filme estrangeiro,  Incêndios , surpreende com um estilo único e pungente originalidade em cada um de seus filmes, independente do gênero. Neste emaranhado suspense policial, não é diferente.  O primeiro acerto do filme é no elenco escolhido a dedo. Hugh Jackman, apesar de mais popularmente conhecido por seu papel como Wolverine, é um ator muito versátil e foi bem escalado para encabeçar a estória. Jake Gyllenhaal dispensa apresentações e seus maiores fãs não entendem como o ator ainda não ganhou um Oscar. Viola Davis, apesar de não receber tanto destaque, também cumpre bem sua parte, e Paul Dano, considerado um dos maiores atores de sua geração, tem aqui uma de suas performances mais memoráveis, equiparando  Sangue Negro . Keller (Hugh Jackman) leva uma vida pacata com sua família, até que sua filha desaparece j

Corações de Ferro

Imagem
Nota: 7,8/10 Neste poderoso drama de guerra, acompanhamos a trajetória de um grupo de soldados americanos durante a 2ª Guerra Mundial, encabeçados pelo sargento Don Collier (Brad Pitt, em excelente atuação), um homem impetuoso e astuto que considera cada um dos que estão sob seu comando como membros de sua família. A união entre estes homens dentro do tanque de guerra, o "Fury", é tão grande, que eles aprenderão importantes lições juntos, como a irmandade, a lealdade e a honra, enquanto enfrentam seus algozes adversários. David Ayer ( Esquadrão Suicidada , Bright ) é um diretor com muito potencial, mas por enquanto não entregou muitos filmes memoráveis. Sem dúvida,  Corações de Ferro é seu melhor trabalho até agora. Não perca!    Fury, 2014, 2h14m. Dirigido por David Ayer, com Brad Pitt, Shia Labeouf e Jon Bernthal

Brooklyn

Imagem
Nota: 7,5/10 Brooklyn é aquele tipo de filme que, quando acaba, você exclama: "Mas já!?" Quando finalmente nos afeiçoamos a personagem e entregamos nosso coração a história, é hora de começar a ver os créditos finais... Contudo, consciente de que é realmente o término, você fica com a certeza de que a projeção foi digna do tempo investido. A trama não é convencional. Adaptado da obra literária do dramaturgo Colm Tóibín, prepare-se para uma experiência amarga, dramática e muito bem atuada. A talentosa e jovem atriz Saoirse Ronan ( Hannah ) protagoniza aqui um dos filmes que dariam maior visibilidade e destaque a sua carreira. Foi muito bem, por sinal. Na trama, Eilis (Ronan) é uma imigrante irlandesa que se muda para os Estados Unidos a fim de tentar uma vida melhor. Ela partiu compromissada com um homem de sua terra natal, prometendo voltar para os seus braços. Mesmo sentindo saudade do que deixou para trás, na nova vizinhança e na nova vida Eilis se apaixona loucamente por

Professor Peso Pesado

Imagem
Nota: 7,5/10 Scott Voss (Kevin James) é um dedicado professor de ginásio que trabalha numa escola que está com dificuldades financeiras. Para conseguir custear os gastos da instituição, a escola irá parar de oferecer importantes matérias extra-curriculares, que também podem colocar em risco os cargos de alguns professores. Querendo ajudar de alguma forma, Scott decide se inscrever numa competição de artes marciais que premiará o campeão com uma boa quantia em dinheiro, o suficiente para que ele doe a escola e ajude seus companheiros. Mas o caminho para a vitória não é assim tão simples, e esse atrapalhado professor vai levar muita pancada pelo caminho... Comédia bem divertida e na dose perfeita para toda a família conferir! Kevin James ficou muito bem no papel, você vai se deliciar com esta grata surpresa. Eu particularmente gosto bastante de filmes de boxe, e com esta comédia leve e descompromissada não foi diferente. Here Comes The Boom, 2012, 1h45m. Dirigido por Frank Coraci ( Click

A Vida dos Outros

Imagem
Nota: 7,5/10 Na Berlim Oriental de 1984, Gerd Weisler (Ulrich Mühe, numa atuação simplesmente impecável) é um agente secreto da polícia que passa a espionar um famoso escritor e sua amante a fim de descobrir se eles estão cometendo crimes contra o governo comunista, que censura firmemente qualquer um que possa estar cometendo atos de conspiração. Mas o problema é que, enquanto Gerd vigia a vida do pobre escritor, começa a perceber que o própria sistema que apoia e trabalha está repleto de cinismo e podridão. A Vida dos Outros  é um filme muito bem realizado, que nos envolve aos poucos com seu enredo instigante. Com um desenvolvimento lento, é compensado pelo roteiro bem amarrado e pela atuação de seu protagonista, Ulrich Mühe, para quem vai meu grande destaque. Amplamente premiado, o longa também recebeu o Oscar de melhor filme estrangeiro de 2007. Das Leben der Anderen, 2006, 2h17m. Dirigido por Florian Henckel von Donnersmarck, com Ulrich Mühe, Martina Gedeck e Sebastian Kock.

Magnatas do Crime

Imagem
Nota: 8/10 Magnatas do Crime é Guy Ritchie sendo Guy Ritchie. O renomado diretor responsável por Jogos, Trapaças e Dois Canos Fumegantes e  Snatch - Porcos e Diamantes revisita o gênero de crimes e gangsters, que o consagrou, e se diverte enquanto entrega uma trama esperta e com diálogos hilários, cheia de estilo e com um elenco afiado encabeçado por Matthew McConaughey. A carta na manga do longa é que presenciamos o desenrolar dos acontecimentos sob vários pontos de vista, e tiramos nossas conclusões conforme os arcos vão se fechando. Michael Pearson (McConaughey) é um chefão do crime que veio de baixo e construiu um verdadeiro império no mundo do tráfico de drogas. Querendo se aposentar, Michael decide que é hora de vender o negócio altamente lucrativo, mas a transação não é assim tão fácil porque, para chegar onde chegou, Michael fez muitos inimigos, que farão de tudo para tomar a posse da sua produção de drogas por diversos outros meios que não sejam a compra. O filme é primorosam

Destacamento Blood

Imagem
Nota: 8,5/10 Para apreciar Destacamento Blood , você vai precisar se desprender do estilo convencional e comumente apresentado pelas produções norte-americanas. Spike Lee (mente genial por trás de  Infiltrado na Klan e Faça a Coisa Certa ) é um diretor com um gosto um tanto peculiar que realiza filmes num estilo documental, juntando cenas e fatos reais com seus personagens fictícios e abordando em tela temas pungentes como o racismo, assunto que serve como pano de fundo da maior parte de suas obras. Num momento como o que vivemos, em que o movimento "Black Lives Matter" é tão difundido por manifestações mundiais, tendo como estopim recente a morte de um homem negro norte-americano, George Floyd, o filme surge como mais um grito de resistência, se unindo ao clamor de todas as pessoas que fazem algo para que este mal que assola nossa sociedade se extingue. Outra virtude necessária para se apreciar o novo trabalho de Lee é paciência: o desenvolvimento da trama que tem duas hora

Missão: Impossível - Nação Secreta

Imagem
Nota: 8,7/10 Após  Missão: Impossível - Protocolo Fantasma , quarto filme da série de ação dirigido por Brad Bird ( Os Incríveis ), muitos fãs acreditavam que Tom Cruise não tinha mais fôlego para continuar a rodar os filmes do agente especial da IMF. Mas o ator mostrou que ainda estava em forma quando, quatro anos depois, ressurgiu na pele de Ethan Hunt. Enquanto a bela Rebbeca Ferguson apareceu como uma excelente adição a trama (e alcançou o sucesso por meio deste longa), Ving Rhames e Simon Pegg retornaram para reprisar seus papeis. O vilão, vivido por Sean Harris, também assusta e cumpre seu papel com maestria. Ethan Hunt e sua equipe descobrem que o "Sindicato", uma instituição criminosa composta por espiões banidos do serviço secreto, está tentando destruí-los e instaurar o caos ao redor do globo. Com isso, eles terão que partir em sua missão mais difícil enquanto tentam desmascarar o líder do Sindicato e acabar com seus planos ardilosos. Missão: Impossível - Nação Secr

Yesterday

Imagem
Nota: 6,8/10 E se os Beatles nunca tivessem existido? Como o mundo seria? Esta é a premissa que move o divertido Yesterday , de Danny Boyle ("Quem Quer Ser um Milionário").  Jack Malik (Himesh Patel) é um cantor estreante que se esforça para ficar famoso e ganhar dinheiro. Numa noite qualquer, ele sofre um acidente no exato momento que acontece um apagão mundial. Quando acorda, Jack é a única pessoa na face da Terra que lembra quem foram os Beatles. No início ele considera tudo muito estranho, mas com o tempo decide reescrever todas as letras que lembra da banda e, a cada nova música lançada, faz um sucesso tremendo. Mas o grande problema é que nada na vida vem de graça, e a atitude aparentemente inócua vai gerar sérias complicações...  Apesar de ser um filme regular na filmografia do excelente cineasta Danny Boyle, Yesterday consegue ser ao mesmo tempo leve, gracioso e emocionante, além de altamente recomendado para os fãs dos Beatles, como uma singela homenagem. Yesterday,

Casal Improvável

Imagem
Nota: 6,8/10 Fred Flarsky (Seth Rogen) é um jornalista um tanto fora dos padrões que acaba de perder seu emprego por divergências com a gerência. Tentando ajudá-lo a superar o período triste que está passando, um de seus amigos o convida para um jantar especial, onde haveria o show de um grupo musical ao qual os dois são fãs. No local, Fred encontra com Charlotte Field (Charlize Theron), uma poderosa mulher que hoje é secretária de Estado, mas que no passado foi sua babá, por quem ele mantinha um romance secreto. Charlotte, que irá sair como candidata a presidência dos Estados Unidos, descobre que Fred está desempregado e lhe oferece a oportunidade de escrever seus discursos de campanha, pois se afeiçoou pelo seu modo de escrever. Nesse meio tempo, enquanto trabalham e viajam juntos, nasce uma relação totalmente inesperada, já que Fred não é exatamente o tipo de companheiro que se espera ao lado de uma mulher com tal reputação e influência, que almeja o mais alto cargo do país. Casal

Coringa

Imagem
Nota: 8/10 Arthur Fleck (Joaquin Phoenix) é um comediante fracassado e com distúrbios mentais que vive sozinho com sua mãe, Penny (Frances Conroy), enquanto leva a vida como pode na soturna cidade de Gotham. Ciente das injustiças que sofre por sua condição, Arthur decide colocar em prática um plano para deixar a sua marca na sociedade hostil em que está inserido, assumindo em seu movimento aleatório o codinome de Coringa. Num mundo cruel como o que vivemos atualmente, onde há um verdadeiro olho por olho e dente por dente diário, preocupação apenas com o próprio umbigo e preconceito em relação a cor, saúde física e mental, nível financeiro, opção sexual e muitas outras circunstâncias, temos aqui um filme urgente. A adaptação dos quadrinhos da DC escancara a importância de governos, instituições e comunidade em geral cuidarem melhor de seus cidadãos mais vulneráveis, que são praticamente engolidos pelo sistema. A exclusão social de pessoas que muitas vezes só esperam um mínimo de respeit

Minha Mãe É Uma Peça 3

Imagem
Nota: 7,5/10 Se firmando como um dos melhores comediantes do Brasil e figurando entre as maiores bilheterias nacionais da história, Paulo Gustavo faz em  Minha Mãe É Uma Peça 3  um fechamento para a trilogia que foi dos palcos para as telonas, onde retrata a história de sua própria mãe e de como sua criação peculiar fez a diferença na vida dos filhos.   O filme garante boas risadas ao mesmo tempo que cria um arco dramático cativante. Dona Hermínia (Paulo Gustavo) viu seus 3 filhos crescerem e alçarem voo: o mais velho casou há um  bom tempo vive em Brasília, tanto que ela já se acostumou a raramente ver os netos. Mas agora Marcelina (Mariana Xavier) está grávida e Juliano (Rodrigo Pandolfo) vai se casar. Feliz pelos filhos, Hermínia decide fazer de tudo para contribuir no enxoval e em todos os detalhes que envolvem a criação do bebê, bem como fazer tudo o que puder para o casamento do filho. Mas quando Marcelina e Juliano se demonstram descontentes com as intromissões da mãe por q

Como Treinar o Seu Dragão 3

Imagem
Nota: 7,5/10 Mesmo não sendo tão bom quanto seus antecessores, a esperada conclusão encerra com qualidade a trilogia, dando um final conveniente e necessário para Soluço e Banguela. Finalmente, dragões e vikings vivem em paz na Ilha de Berk. Soluço (Jay Baruchel) está cada vez mais atraído por Astrid (America Ferrera), enquanto Banguela finalmente encontra uma fêmea de sua espécie, que está em extinção. Mas o malvado Grimmel (F. Murray Abraham), mais um caçador que não aceita esta junção entre humanos e criaturas mitológicas, continua em sua busca fulminante contra os dragões, e seus planos incluem eliminar Banguela e sua nova amiga. A série Como Treinar o Seu Dragão  colocou as animações da DreamWorks em outro patamar. E neste terceiro o arco finaliza com os princípios da importância do amadurecimento e da evolução para a continuidade de nossa existência. Um final corajoso e legítimo como o de  Toy Story 4 . Não perca! "How to Train Your Dragon: The Hidden World",

John Wick 3: Parabellum

Imagem
Nota: 7,5/10 Após matar um senhor do crime no Hotel Continental, John Wick (Keanu Reeves) é declarado como excomungado do grupo de assassinos ao qual era membro, e sua cabeça é colocada a prêmio: 14 milhões de dólares para quem conseguir eliminá-lo. Agora, ele precisará unir forças com uma antiga amiga (Halle Berry) na tentativa de escapar dos assassinos de aluguel e caçadores de recompensas que estão por todos os lugares para eliminá-lo. "John Wick: Chapter 3 - Parabellum", 2019, 2h11m. Dirigido por Chad Stahelski, com Keanu Reeves, Halle Berry e Ian McShane.

Johnny English 3.0

Imagem
Nota: 8,5/10 Quando olhamos esta figura icônica da foto, rapidamente associamos ao título de seu principal personagem: "Mr. Bean". Muita gente com certeza deve até acreditar que esse seja o nome do ator tão carismático... Usando as mesmas fórmulas que o consagraram só que com falas, Johnny English 3.0 cumpre com o que promete: te fazer rir, e muito. Johnny English (Atkinson) já foi um importante agente secreto britânico, mas agora passa os dias como professor num jardim de infância. Mas quando um ataque cibernético expõe a identidade de todos os agentes em atividade, English é forçado a voltar à ativa e encontrar o hacker que planeja destruir o serviço secreto para executar crimes ainda piores. Johnny English Strikes Again, 2018, 1h29m. Dirigido por David Kerr, com Rowan Atkinson, Olga Kurylenko, Ben Miller.

Bastardos Inglórios

Imagem
Nota: 8,9/10 Brad Pitt e Christoph Waltz estão supremos neste filme que em minha opinião é o melhor de Quentin Tarantino. A atuação de Christoph é extremamente natural, hipnótica e genial. A de Pitt divertida e animada, uma das mais inesquecíveis de sua carreira. Tarantino é expert em contar suas próprias versões de acontecimentos reais, e aqui não é diferente. Ele utiliza suas técnicas já bem conhecidas para construir a história: tensão, comédia, detalhismo e a assinatura registrada de violência e sangue. Na trama, enquanto os nazistas dominam cada vez mais territórios e o coronel Landa (Christoph Waltz) ajuda na localização e execução de judeus escondidos, os seguidores do Führer começam a ser assombrados por alguns poucos soldados judeu-americanos encabeçados por Aldo Raine (Brad Pitt), que levam o nome de "Bastardos Inglórios", por praticamente destroçar e escalpelar qualquer soldado alemão que tope em sua frente. Aliados com alguns adeptos, eles planejam um ataque a

O Jogo da Imitação

Imagem
Nota: 7,5/10 Durante a 2ª Guerra Mundial, o matemático inglês Alan Turing (Benedict Cumberbatch) tenta quebrar o código da máquina alemã Enigma, que protegia a comunicação militar nazista. No bom trabalho de Cumberbatch vemos um pouco da vida deste gênio, desde seu individualismo e imodéstia (natural em pessoas de QI muito elevado), seus problemas com o governo da época devido a sua opção sexual (homossexualidade era considerada um delito na Inglaterra), e seu grandioso impacto para a inteligência artificial, já que seu trabalho é a base de tudo o que conhecemos hoje, sendo considerado o pai da computação. "The Imitation Game", 2014, 1h54m. Dirigido por Morten Tyldum, com Benedict Cumberbatch, Keira Knightley e Matthew Goode. 

Decisão de Risco

Imagem
Nota: 9/10 A inteligência americana e britânica discutem numa sala de reuniões enquanto avançados drones aparentemente encontraram o paradeiro de um dos mais procurados terroristas de uma organização criminosa. Com seus soldados a postos para lançar um míssil e destruir a residência onde o terrorista está juntamente com outros criminosos, a equipe se encontra num terrível dilema quando uma garotinha inocente entra na zona de perigo. Este é o último filme do falecido ator Alan Rickman, o Snape de Harry Potter; e diria que é o melhor papel de sua carreira. Ele está um monstro. Só por ele já vale muito a pena. Mas o filme é muito bem realizado, desde a trama a direção; Helen Mirren também atuou muito bem. Enfim, filmaço imperdível para quem curte um bom thriller de guerra. Eye in the Sky, 2015, 1h42m. Dirigido por Gavin Hood, com Helen Mirren, Aaron Paul e Alan Rickman.

Senna

Imagem
Nota: 8,5/10 Neste excelente documentário acompanhamos de perto e em detalhes a trajetória de um dos maiores corredores da história da Fórmula 1: desde sua origem humilde, seu início nas corridas de Kart, o estrelato rápido, sua fé em Deus, sua genialidade ao correr na chuva, sua inicial amizade com Alain Prost, que veio a se tornar uma imensa rivalidade, seu constante atrito com os chefões da F-1 sobre falhas na segurança das pistas, seu namoro com Xuxa Meneghel e Adriana Galisteu, até o trágico e misterioso acidente que ceifou sua vida. Nos familiarizamos mais com Ayrton Senna nesta biografia íntima que honra seu legado como homem de bem e como eterno ídolo de uma nação. Idem, 2010, 1h46m. Dirigido por Asif Kapadia. Com Ayrton Senna, Reginaldo Leme e John Bisigamno.

Entre Facas e Segredos

Imagem
Nota: 7,9/10 As circunstâncias por trás da morte do escritor Harlan Thrombey (Christopher Plummer) permanecem como uma incógnita. Está certo que o velho era muito rico e que cada um dos integrantes de sua família poderia estar de olho em seu dinheiro, sendo assim suspeitos de haver cometido o vil crime do assassinato. Mas enquanto a polícia tenta fechar o caso como suicídio, caminho mais plausível e que não fere a família que sofre com a morte do ente querido, o renomado detetive Benoit Blanc (Daniel Craig) decide investigar mais a fundo o incidente, se emaranhando numa rede de mentiras a fim de juntar os pontos e desencobrir a inequívoca verdade. Este suspense investigativo do visionário Rian Johnson (de  Looper - Assassinos do Futuro e Star Wars - Os Últimos Jedi ) é uma homenagem aos clássicos livros de detetive de Agatha Christie. Apoiado sob um elenco estelar composto por Daniel Craig, Chris Evans, Christopher Plummer e Jamie Lee Curtis só para citar alguns, Johnson constrói

Dois Papas

Imagem
Nota: 8,5/10 O diretor brasileiro Fernando Meirelles, amplamente reconhecido pelo inesquecível  Cidade de Deus , conseguiu contar este importante marco de sucessão do catolicismo sem ser piegas nem massante. Muito pelo contrário: o filme biográfico é extremamente divertido e agradável de se assistir. Um dos grandes motivos são as atuações sublimes tanto de Anthony Hopkins quanto de Jonathan Pryce, que tornaram as figuras dos papas muito realistas. Todo o restante fica por conta da leveza que Meirelles atribui a obra, original do canal Netflix, que por sua vez têm feito a cada ano esforços combinados para levar o máximo de filmes possível ao Oscar (este ano teve História de um Casamento , O Irlandês e Dois Papas  entre os queridinhos da premiação, mas ainda não foi dessa vez). Após a morte do Papa João Paulo II, é convocada a assembleia que elegerá seu sucessor. Quando o alemão Joseph Ratzinger (Hopkins), o Bento XVI, é eleito, a grande maioria entre os líderes do catolicismo acre

O Caminho de Volta

Imagem
Nota: 8,5/10 Ben Affleck tem uma atuação autêntica neste belo drama sobre um homem alcoólatra que é quase um filme biográfico. O astro teve a humildade de admitir que desistiu de estrelar o filme The Batman por causa do alcoolismo, um mal que vem enfrentando há anos. A história dirigida pelo excelente diretor Gavin O' Connor (que já havia trabalhado com Affleck em O Contador ) nos apresenta Jack Cunningham, um homem divorciado e com sérios problemas de dependência com álcool, que ganha a vida como construtor. Por ter sido um fenômeno do basquete em sua juventude, recebe o convite de treinar o time que o consagrou enquanto jogava. Mesmo com intenção de recusar, Jack aceita o desafio demonstrando que aquela pode ser uma última chance de redenção em sua vida, cheia de decepções e desapontamentos para si e para todos que o rodeiam. O filme é cativante porque consegue ser realista a ponto de não se deixar levar apenas pela historinha bonita com final feliz; ele toca na ferida da re

Bad Boys Para Sempre

Imagem
Nota: 7/10 Bad Boys Para Sempre poderia facilmente ter sido mais do mesmo: só mais uma desculpa esfarrapada para continuar lucrando encima de uma franquia bem-sucedida, ou um roteiro preguiçoso para atores inesquecíveis em seus papéis fazerem um dinheiro fácil, mas não é nenhum dos dois. Está certo que você vai ter que aturar efeitos visuais ruins e cenas forçadas no maior estilo Duro de Matar ; mas vai por mim: vale a pena. Vale a pena por ver o Will e o Martin contracenando novamente neste papel que marcou suas carreiras, vale a pena pelas cenas hilárias, e vale a pena por dar um incremento muito conveniente a série. Mike Lowrey (Will Smith) está na mira de uma mulher que acabou de sair da cadeia e está com sede de vingança: ela era esposa de um chefão do cartel de drogas mexicano, que Mike ajudou a matar anos atrás. A mulher deseja que cada um dos que se envolveu no assassinato de seu marido pague pelo que fez, usando seu filho (Jacob Scipio) para fazer o trabalho sujo. Quand

Adoráveis Mulheres

Imagem
Nota: 7,8/10 Este filme de época adaptado do clássico romance de Louisa May Alcott é admiravelmente bem realizado. Sob a ótica sensível de Greta Gerwig ( Lady Bird: A Hora de Voar), que gosta de realçar o poder feminino em suas obras,   nos deparamos com um figurino impecável, paisagens poéticas e personagens fortes. Tal como a Elizabeth Bennet de Orgulho e Preconceito , temos aqui uma protagonista - Jo March - que possui um gênio impertinente e uma personalidade própria controversa a sua época, onde as mulheres tinham o casamento como único meio de resistir num mundo hostil, que não lhes dava muitas oportunidades de darem vazão a suas reais emoções, talentos profissionais e artísticos. Jo (que é a identidade nada secreta da autora) era praticamente um espírito que nasceu na época errada, pois queria ser uma escritora independente e não queria se casar, por mais que visse cada uma de suas irmãs fazendo-o. Ela sentia que tinha uma contribuição diferente a fazer. Na trama, conhecemo

Lincoln

Imagem
Nota: 7,5/10 1865. O 16º presidente dos Estados Unidos da América, Abraham Lincoln (Daniel Day-Lewis), estava começando seu segundo mandato após heroica reeleição. Mas ele sabia que tinha que ser incisivo em conseguir os votos suficientes para fazer com que a 13ª Emenda à Constituição dos Estados Unidos (que abolia a escravatura) fosse aceita. Além disso, o país estava dividido: enquanto a região Sul, que possuía trabalho escravo e cuidava da agricultura se denominava um país a parte, a região Norte, os Estados Confederados da América, se profissionalizava no trabalho industrial e discordava do modo como o Sul conduzia a sua produção. Este entrave culminou na Guerra Civil americana, que amontoava cada vez mais mortos pelo extenso país. O presidente Lincoln sabia que, com o poder que lhe foi investido, precisava dirigir algumas coisas que iriam modificar eternamente o destino de sua nação; e por mais que seus apoiadores asseverassem que ele teria que escolher entre uma ou outra, el

A Casa

Imagem
Nota: 6,8/10 Javier Muñoz (Javier Gutiérrez) é um experiente publicitário que mora num belíssimo apartamento, possui uma BMW na garagem, é casado com Marga (Ruth Díaz) e tem um filho adolescente, Dani (Cristian Muñoz). Mas a vida da família está passando por uma séria turbulência, pois Javier está desempregado e, apesar de inúmeras tentativas, não consegue arrumar um novo emprego. Eles se mudam para um bairro periférico, sua esposa começa a trabalhar com faxinas para trazer comida à mesa, e ela ainda sugere que vendam o carro para ajudá-los a levantar mais dinheiro. Mas Javier resiste tanto a venda do automóvel, por alegar que não terá como ir as entrevistas de emprego, como ao fato da esposa se submeter a um trabalho tão humilhante. E a perda de status social vai se tornando cada vez mais frustrante para um homem que já teve tanto. Num impulso doentio, Javier passa a espionar a nova família que alugou o apartamento em que vivia. Possuindo uma chave do local que não foi devolvida, el