Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2020

Minha Mãe É Uma Peça 3

Imagem
Nota: 7,5/10 Se firmando como um dos melhores comediantes do Brasil e figurando entre as maiores bilheterias nacionais da história, Paulo Gustavo faz em  Minha Mãe É Uma Peça 3  um fechamento para a trilogia que foi dos palcos para as telonas, onde retrata a história de sua própria mãe e de como sua criação peculiar fez a diferença na vida dos filhos.   O filme garante boas risadas ao mesmo tempo que cria um arco dramático cativante. Dona Hermínia (Paulo Gustavo) viu seus 3 filhos crescerem e alçarem voo: o mais velho casou há um  bom tempo vive em Brasília, tanto que ela já se acostumou a raramente ver os netos. Mas agora Marcelina (Mariana Xavier) está grávida e Juliano (Rodrigo Pandolfo) vai se casar. Feliz pelos filhos, Hermínia decide fazer de tudo para contribuir no enxoval e em todos os detalhes que envolvem a criação do bebê, bem como fazer tudo o que puder para o casamento do filho. Mas quando Marcelina e Juliano se demonstram descontentes com as intromissões da mãe por q

Como Treinar o Seu Dragão 3

Imagem
Nota: 7,5/10 Mesmo não sendo tão bom quanto seus antecessores, a esperada conclusão encerra com qualidade a trilogia, dando um final conveniente e necessário para Soluço e Banguela. Finalmente, dragões e vikings vivem em paz na Ilha de Berk. Soluço (Jay Baruchel) está cada vez mais atraído por Astrid (America Ferrera), enquanto Banguela finalmente encontra uma fêmea de sua espécie, que está em extinção. Mas o malvado Grimmel (F. Murray Abraham), mais um caçador que não aceita esta junção entre humanos e criaturas mitológicas, continua em sua busca fulminante contra os dragões, e seus planos incluem eliminar Banguela e sua nova amiga. A série Como Treinar o Seu Dragão  colocou as animações da DreamWorks em outro patamar. E neste terceiro o arco finaliza com os princípios da importância do amadurecimento e da evolução para a continuidade de nossa existência. Um final corajoso e legítimo como o de  Toy Story 4 . Não perca! "How to Train Your Dragon: The Hidden World",

John Wick 3: Parabellum

Imagem
Nota: 7,5/10 Após matar um senhor do crime no Hotel Continental, John Wick (Keanu Reeves) é declarado como excomungado do grupo de assassinos ao qual era membro, e sua cabeça é colocada a prêmio: 14 milhões de dólares para quem conseguir eliminá-lo. Agora, ele precisará unir forças com uma antiga amiga (Halle Berry) na tentativa de escapar dos assassinos de aluguel e caçadores de recompensas que estão por todos os lugares para eliminá-lo. "John Wick: Chapter 3 - Parabellum", 2019, 2h11m. Dirigido por Chad Stahelski, com Keanu Reeves, Halle Berry e Ian McShane.

Johnny English 3.0

Imagem
Nota: 8,5/10 Quando olhamos esta figura icônica da foto, rapidamente associamos ao título de seu principal personagem: "Mr. Bean". Muita gente com certeza deve até acreditar que esse seja o nome do ator tão carismático... Usando as mesmas fórmulas que o consagraram só que com falas, Johnny English 3.0 cumpre com o que promete: te fazer rir, e muito. Johnny English (Atkinson) já foi um importante agente secreto britânico, mas agora passa os dias como professor num jardim de infância. Mas quando um ataque cibernético expõe a identidade de todos os agentes em atividade, English é forçado a voltar à ativa e encontrar o hacker que planeja destruir o serviço secreto para executar crimes ainda piores. Johnny English Strikes Again, 2018, 1h29m. Dirigido por David Kerr, com Rowan Atkinson, Olga Kurylenko, Ben Miller.

Bastardos Inglórios

Imagem
Nota: 8,9/10 Brad Pitt e Christoph Waltz estão supremos neste filme que em minha opinião é o melhor de Quentin Tarantino. A atuação de Christoph é extremamente natural, hipnótica e genial. A de Pitt divertida e animada, uma das mais inesquecíveis de sua carreira. Tarantino é expert em contar suas próprias versões de acontecimentos reais, e aqui não é diferente. Ele utiliza suas técnicas já bem conhecidas para construir a história: tensão, comédia, detalhismo e a assinatura registrada de violência e sangue. Na trama, enquanto os nazistas dominam cada vez mais territórios e o coronel Landa (Christoph Waltz) ajuda na localização e execução de judeus escondidos, os seguidores do Führer começam a ser assombrados por alguns poucos soldados judeu-americanos encabeçados por Aldo Raine (Brad Pitt), que levam o nome de "Bastardos Inglórios", por praticamente destroçar e escalpelar qualquer soldado alemão que tope em sua frente. Aliados com alguns adeptos, eles planejam um ataque a

O Jogo da Imitação

Imagem
Nota: 7,5/10 Durante a 2ª Guerra Mundial, o matemático inglês Alan Turing (Benedict Cumberbatch) tenta quebrar o código da máquina alemã Enigma, que protegia a comunicação militar nazista. No bom trabalho de Cumberbatch vemos um pouco da vida deste gênio, desde seu individualismo e imodéstia (natural em pessoas de QI muito elevado), seus problemas com o governo da época devido a sua opção sexual (homossexualidade era considerada um delito na Inglaterra), e seu grandioso impacto para a inteligência artificial, já que seu trabalho é a base de tudo o que conhecemos hoje, sendo considerado o pai da computação. "The Imitation Game", 2014, 1h54m. Dirigido por Morten Tyldum, com Benedict Cumberbatch, Keira Knightley e Matthew Goode. 

Decisão de Risco

Imagem
Nota: 9/10 A inteligência americana e britânica discutem numa sala de reuniões enquanto avançados drones aparentemente encontraram o paradeiro de um dos mais procurados terroristas de uma organização criminosa. Com seus soldados a postos para lançar um míssil e destruir a residência onde o terrorista está juntamente com outros criminosos, a equipe se encontra num terrível dilema quando uma garotinha inocente entra na zona de perigo. Este é o último filme do falecido ator Alan Rickman, o Snape de Harry Potter; e diria que é o melhor papel de sua carreira. Ele está um monstro. Só por ele já vale muito a pena. Mas o filme é muito bem realizado, desde a trama a direção; Helen Mirren também atuou muito bem. Enfim, filmaço imperdível para quem curte um bom thriller de guerra. Eye in the Sky, 2015, 1h42m. Dirigido por Gavin Hood, com Helen Mirren, Aaron Paul e Alan Rickman.

Senna

Imagem
Nota: 8,5/10 Neste excelente documentário acompanhamos de perto e em detalhes a trajetória de um dos maiores corredores da história da Fórmula 1: desde sua origem humilde, seu início nas corridas de Kart, o estrelato rápido, sua fé em Deus, sua genialidade ao correr na chuva, sua inicial amizade com Alain Prost, que veio a se tornar uma imensa rivalidade, seu constante atrito com os chefões da F-1 sobre falhas na segurança das pistas, seu namoro com Xuxa Meneghel e Adriana Galisteu, até o trágico e misterioso acidente que ceifou sua vida. Nos familiarizamos mais com Ayrton Senna nesta biografia íntima que honra seu legado como homem de bem e como eterno ídolo de uma nação. Idem, 2010, 1h46m. Dirigido por Asif Kapadia. Com Ayrton Senna, Reginaldo Leme e John Bisigamno.

Entre Facas e Segredos

Imagem
Nota: 7,9/10 As circunstâncias por trás da morte do escritor Harlan Thrombey (Christopher Plummer) permanecem como uma incógnita. Está certo que o velho era muito rico e que cada um dos integrantes de sua família poderia estar de olho em seu dinheiro, sendo assim suspeitos de haver cometido o vil crime do assassinato. Mas enquanto a polícia tenta fechar o caso como suicídio, caminho mais plausível e que não fere a família que sofre com a morte do ente querido, o renomado detetive Benoit Blanc (Daniel Craig) decide investigar mais a fundo o incidente, se emaranhando numa rede de mentiras a fim de juntar os pontos e desencobrir a inequívoca verdade. Este suspense investigativo do visionário Rian Johnson (de  Looper - Assassinos do Futuro e Star Wars - Os Últimos Jedi ) é uma homenagem aos clássicos livros de detetive de Agatha Christie. Apoiado sob um elenco estelar composto por Daniel Craig, Chris Evans, Christopher Plummer e Jamie Lee Curtis só para citar alguns, Johnson constrói

Dois Papas

Imagem
Nota: 8,5/10 O diretor brasileiro Fernando Meirelles, amplamente reconhecido pelo inesquecível  Cidade de Deus , conseguiu contar este importante marco de sucessão do catolicismo sem ser piegas nem massante. Muito pelo contrário: o filme biográfico é extremamente divertido e agradável de se assistir. Um dos grandes motivos são as atuações sublimes tanto de Anthony Hopkins quanto de Jonathan Pryce, que tornaram as figuras dos papas muito realistas. Todo o restante fica por conta da leveza que Meirelles atribui a obra, original do canal Netflix, que por sua vez têm feito a cada ano esforços combinados para levar o máximo de filmes possível ao Oscar (este ano teve História de um Casamento , O Irlandês e Dois Papas  entre os queridinhos da premiação, mas ainda não foi dessa vez). Após a morte do Papa João Paulo II, é convocada a assembleia que elegerá seu sucessor. Quando o alemão Joseph Ratzinger (Hopkins), o Bento XVI, é eleito, a grande maioria entre os líderes do catolicismo acre

O Caminho de Volta

Imagem
Nota: 8,5/10 Ben Affleck tem uma atuação autêntica neste belo drama sobre um homem alcoólatra que é quase um filme biográfico. O astro teve a humildade de admitir que desistiu de estrelar o filme The Batman por causa do alcoolismo, um mal que vem enfrentando há anos. A história dirigida pelo excelente diretor Gavin O' Connor (que já havia trabalhado com Affleck em O Contador ) nos apresenta Jack Cunningham, um homem divorciado e com sérios problemas de dependência com álcool, que ganha a vida como construtor. Por ter sido um fenômeno do basquete em sua juventude, recebe o convite de treinar o time que o consagrou enquanto jogava. Mesmo com intenção de recusar, Jack aceita o desafio demonstrando que aquela pode ser uma última chance de redenção em sua vida, cheia de decepções e desapontamentos para si e para todos que o rodeiam. O filme é cativante porque consegue ser realista a ponto de não se deixar levar apenas pela historinha bonita com final feliz; ele toca na ferida da re

Bad Boys Para Sempre

Imagem
Nota: 7/10 Bad Boys Para Sempre poderia facilmente ter sido mais do mesmo: só mais uma desculpa esfarrapada para continuar lucrando encima de uma franquia bem-sucedida, ou um roteiro preguiçoso para atores inesquecíveis em seus papéis fazerem um dinheiro fácil, mas não é nenhum dos dois. Está certo que você vai ter que aturar efeitos visuais ruins e cenas forçadas no maior estilo Duro de Matar ; mas vai por mim: vale a pena. Vale a pena por ver o Will e o Martin contracenando novamente neste papel que marcou suas carreiras, vale a pena pelas cenas hilárias, e vale a pena por dar um incremento muito conveniente a série. Mike Lowrey (Will Smith) está na mira de uma mulher que acabou de sair da cadeia e está com sede de vingança: ela era esposa de um chefão do cartel de drogas mexicano, que Mike ajudou a matar anos atrás. A mulher deseja que cada um dos que se envolveu no assassinato de seu marido pague pelo que fez, usando seu filho (Jacob Scipio) para fazer o trabalho sujo. Quand

Adoráveis Mulheres

Imagem
Nota: 7,8/10 Este filme de época adaptado do clássico romance de Louisa May Alcott é admiravelmente bem realizado. Sob a ótica sensível de Greta Gerwig ( Lady Bird: A Hora de Voar), que gosta de realçar o poder feminino em suas obras,   nos deparamos com um figurino impecável, paisagens poéticas e personagens fortes. Tal como a Elizabeth Bennet de Orgulho e Preconceito , temos aqui uma protagonista - Jo March - que possui um gênio impertinente e uma personalidade própria controversa a sua época, onde as mulheres tinham o casamento como único meio de resistir num mundo hostil, que não lhes dava muitas oportunidades de darem vazão a suas reais emoções, talentos profissionais e artísticos. Jo (que é a identidade nada secreta da autora) era praticamente um espírito que nasceu na época errada, pois queria ser uma escritora independente e não queria se casar, por mais que visse cada uma de suas irmãs fazendo-o. Ela sentia que tinha uma contribuição diferente a fazer. Na trama, conhecemo

Lincoln

Imagem
Nota: 7,5/10 1865. O 16º presidente dos Estados Unidos da América, Abraham Lincoln (Daniel Day-Lewis), estava começando seu segundo mandato após heroica reeleição. Mas ele sabia que tinha que ser incisivo em conseguir os votos suficientes para fazer com que a 13ª Emenda à Constituição dos Estados Unidos (que abolia a escravatura) fosse aceita. Além disso, o país estava dividido: enquanto a região Sul, que possuía trabalho escravo e cuidava da agricultura se denominava um país a parte, a região Norte, os Estados Confederados da América, se profissionalizava no trabalho industrial e discordava do modo como o Sul conduzia a sua produção. Este entrave culminou na Guerra Civil americana, que amontoava cada vez mais mortos pelo extenso país. O presidente Lincoln sabia que, com o poder que lhe foi investido, precisava dirigir algumas coisas que iriam modificar eternamente o destino de sua nação; e por mais que seus apoiadores asseverassem que ele teria que escolher entre uma ou outra, el